4 técnicas simples para aumentar sua produtividade


Estamos sempre ocupados demais e por muitas vezes com baixa ou constante queda de produtividade. Talvez, este seja um dos grandes temas do mundo corporativo contemporâneo, pois está ligada a eficiência e a excelência das ações do trabalho de uma pessoa.

Você deve estar se perguntando, então como produzir mais? Como engajar o time? Como aumentar a produtividade? Mais do que isso: como é uma pessoa produtiva? Qual seu diferencial? O que faz uma pessoa não alcançar a tão falada produtividade?

Produtividade é o resultado daquilo que é produtivo, ou seja, do que se produz, do que é rentável.

Confira as 5 dicas que preparamos para vocês:

1. Teoria de Pareto O Princípio, ou Teoria de Pareto — criado na Itália por Vilfredo Pareto — propõe que 80% das consequências advêm de 20% das causas. Ou seja, a maior parte do que acontece, de bom ou ruim, é causado por apenas 20% das suas ações.

Você deve estar se perguntando: mas o que isso tem a ver com produtividade no trabalho? Algumas pessoas vivem reclamando que não possuem tempo suficiente para lidar com tantas demandas, mas a verdade é que comprometem 80% do tempo com distrações.

Seguir esta técnica é focar naquilo que realmente importa. Isso não significa abrir mão dos momentos de prazer ou do “dolce far niente” — expressão italiana para a arte de fazer nada, mas existem momentos para isso.

• Ordene todas as tarefas que precisam ser feitas durante o dia e ao final dele avaliar se deu conta de todas, quais as atitudes trouxeram resultados produtivos e o que foi só distração. Esse hábito te ajudará a reduzir, no futuro, os 20% que consomem o seu tempo. Com essas pequenas mudanças será possível tornar a vida muito mais eficiente e leve.

2. Técnica Pomodoro Essa técnica foi criada por um italiano que resolveu testar suas capacidades de concentração com um timer de pomodoro encontrado em sua cozinha. Logo, a origem do nome vem do seu simples timer em forma de tomate. Funciona assim: • Concentre-se em uma tarefa durante 25 minutos sem parar. • Após esse tempo, descanse de 3 a 4 minutos. • Faça isso durante quatro pomodoros, ou seja, quatro vezes 25 minutos. • Depois de realizar os quatro tempos, faça uma pausa maior. Anote durante os intervalos tudo que realizou durante os tempos, e assim será possível ver o progresso em suas tarefas. Os intervalos de descansos fazem com que você relaxe um pouco antes de voltar a tarefa, e assim, aumenta a sua capacidade de concentração, diferente de focar-se em uma tarefa horas seguidas, que acabam diminuindo sua capacidade de concentração por cansaço. A técnica pode ser muito útil em vários trabalhos e tarefas, porém pode ser variável de pessoa pra pessoa a capacidade de concentração, algumas concentram-se mais ou menos tempo. Portanto, nada impede que você a modifique um pouco para que a mesma se encaixe melhor na sua realidade, afinal o intuito maior é de te ajudar, e não o contrário.

3. Método 5W2H

A estratégia de ação não parece inovadora, mas é extremamente eficiente para aumentar a produtividade no trabalho e acabar com as dúvidas que nos deparamos quando já estamos executando uma tarefa. Ela é muito útil também em atividades em equipe e pode ser aplicada em qualquer área da sua vida — da criação de um projeto à separação de tarefas domésticas, por exemplo.

• WHAT – O que será feito? • WHY – Por que? • WHOM – Por quem? • WHEN – Quando? • WHERE – Onde? • HOW – Como? • HOW MUCH – Quanto custará?

4. Getting Things Done (GTD) Criado pelo “guru” em produtividade David Allen, é “fazer as coisas acontecerem”. Com ele, em vez de ficar planejando ou pensando nas próximas tarefas, você eliminará todo o bloqueio mental para se dedicar inteiramente à execução. Essa metodologia é muito importante para eliminar o estresse e a preocupação com prazos e deixar a mente fluir livremente ou como “a água”, de acordo com o autor. Ou seja, ao invés de seguir um modelo preestabelecido, você será capaz de se adaptar às situações inesperadas e criar um sistema pessoal para organizar o seu trabalho de acordo a sua rotina, preferências e até defeitos.

• Coletar – Passar para o papel todas as atividades e projetos que precisam ser feitos agora e no futuro. Todos. Desde o envio de um e-mail até aquela viagem de fim de ano. • Processar – Esta etapa consiste em avaliar todas essas tarefas e mensurar o que é prioridade e o que pode ficar para depois. Aqui as atividades serão divididas sob três critérios: para delegar, para fazer em menos de dois minutos e o que demanda maior tempo de ação.

• Organizar – A fase de organização consiste em alocar essas tarefas com seus prazos específicos e sua importância, colocando-as em uma ferramenta que funcione melhor para você. Pode ser uma agenda, um bullet journal ou aplicativos, como o Google Agenda, Evernote ou Trello. Alguns deles, como o Todoist, se baseiam na própria metodologia GTD para organizar as atividades de forma simples.

• Revisar – Aqui você deve reavaliar todas as atividades, para que nenhuma fique esquecida ou fora da organização.

• Executar – esta é a etapa final e a mais importante do GTD, onde todo o seu planejamento deve ser colocado em ação. Avalie sempre se as coisas estão funcionando para você e não hesite em fazer adaptações quando necessário.

Além dessas técnicas, você e sua empresa já podem contar com outro recurso eficiente para aumentar qualidade e produtividade de processos básicos. Estamos falando de uma plataforma de automatização, um instrumento de gestão que pode otimizar os resultados de empresas grandes e pequenas, garantindo economia de tempo para que gestores e colaboradores se dediquem aos projetos mais relevantes para o negócio, que aliás, encontramos em versões gratuitas na web.

Espero ter te ajudado, mas e ai, você já conta com uma técnica específica para otimizar seu desempenho e de sua equipe? Deixe um comentário!

#produtividade #produtivo #dicas #dica #treinamento #ConsultoriaEmpresarial

36 visualizações
Certificações
Endereço: Rua República do Iraque, 40
sala 504, Jardim Oswaldo Cruz
São José dos Campos - SP
(12) 3206-9536
contato@resultcdh.com
Acompanhe a Result nas redes sociais
  • Facebook Result
  • LinkedIn Result
  • Instagram Result
CNPJ: 21.242.927/0001-08
Result Consultoria e DH
© Todos os direitos reservados à Result